Artigos Carnaval Cidade Comércio/Indústria Destaques Educação Esportes Eventos Música Piadas Política Sociedade Vídeos
você está em » Artigos
Data de Publicação: 26/01/2019
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (3)
Clique na imagem para ampliar

 

Nelson Bassanetti

Finalmente, após marchas e contra-marchas e aflitiva espera, o mundo esportivo catanduvense respirou aliviado após a inclusão do time de futebol do Catanduva Esporte Clube entre os que disputariam o campeonato da Segunda Divisão de Profissionais. Nessa conquista houve uma briga política entre o Deputado Antonio Mastrocola e o Presidente do Catanduva Esporte Clube, Orlando Zancaner, em torno de quem era o responsável por essa ascensão, e, ficando com os louros da vitória, Bacurau afirmava que, desde 1955, já estava trabalhando para levar o nosso time a disputar esse campeonato, mas foi Zancaner quem deu o toque final ao contar com a ajuda de vários  aliados, como os deputados Athiê Jorge Cury e  Blota Júnior e os radialistas Murilo Antunes Alves e Paulo de Machado Filho, que intercederam e conseguiram o  beneplácito de João Mendonça Falcão, Presidente da Federação Paulista de Futebol.

Em 1956, era a seguinte a Diretoria do Catanduva Esporte Clube, em seus cargos principais: Presidente, Dr. Orlando Zancaner e depois Dr. Augusto Pereira; Vice-Presidente, Amil Záckia; Secretário Geral, Elpídio Bochi; Tesoureiro Geral, Edu Arruda; Diretor Departamento Profissional: Elias Vaz de Lima.

O campeonato foi disputado em quatro séries com os seguintes times: (Série Industrial) – Paulista F.C.de Jundiaí; C.A. Ituano; E.C. São Bento de Sorocaba; C.A. Bragantino; Corinthians F. C. de Santo André; União F.C. de Mogi das Cruzes; A.E. Guaratinguetá; Estrela da Saúde F.C.da Capital. (Série Pecuária) – Barretos F.C; C.A. Velo Rioclarense; Comercial F.C. de Ribeirão Preto; A.Desportiva de Araraquara; Jaboticabal Atlético; A.A. Internacional de Bebedouro; Rio Preto E.C; E.C. Corinthians de Presidente Prudente. (Série Cafeeira) – A.A. Francana; Fortaleza F.C. de Barretos; Batatais E.C; Botafogo F. C. de Ribeirão Preto; C.A. Bandeirantes de São Carlos; Radium F.C. de Mococa; A.A. Internacional de Limeira; Sanjoanense de São João da Boa Vista. (Série Algodoeira) – América F.C. de Rio Preto; C.A. Taquaritinga; Garça E..C; Marília A.C; Tupã F.C; Prudentina de E.A. de Presidente Prudente;  A.A. Ferroviária de Botucatu e Catanduva E.C.

Após um longo período de sacrifícios, tropeços e muita luta o Catanduva Esporte Clube conseguiu o cetro máximo da “Série Algodoeira”, mas naquele ano, entre os classificados para a fase final, quem fez melhor campanha foi o Botafogo Futebol Clube de Ribeirão Preto, que ganhou o campeonato e subiu para a primeira divisão.

 

25.11.1956 – Time do Catanduva Esporte Clube, em jogo amistoso contra o Jaboticabal Atlético Clube, no Estádio “Sílvio Salles”,  com a entrega de faixas de Campeão Paulista de 1956, da “Série Algodoeira”. Vemos de pé e da esquerda para a direita: Biguá, Badê, Barros, Loca, Wilse, Cativeiro, Jaime, Can-Can e Hélios Tricca (técnico). Agachados: Benites, Alípio, Duvílio, Luizinho Cai-Cai, Genê, Bagunça e Santiaguinho. Também jogaram naquele ano Juarez, Nininho e Osvaldo

 Pesquisa no Jornal “A Cidade” – Arquivo Museu Padre Albino

 

 

 

VEJA TAMBÉM
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (6)
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (5)
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (4)
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (3)
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (2)
CATANDUVA ESPORTE CLUBE, O FAMOSO EXPRESSINHO (1)
1918 – Nomes de famílias residentes em Catanduva (5 listas)
Copyright © Catanduva Cidade Feitiço