Artigos Carnaval Cidade Comércio/Indústria Destaques Educação Esportes Eventos Música Piadas Política Sociedade Vídeos
você está em » Artigos
Data de publicação: 17/06/2014    |    Enviar por e-mail   |   Imprimir   |   Tamanho do Texto:     |   Compartilhar:    
Data de Publicação: 17/06/2014
AS EMPRESAS AÉREAS REAL E VASP EM CATANDUVA

O Sr. Antonio Stocco foi o precursor da conquista da aviação comercial em Catanduva. Presidente que era do Aeroclube nos anos de 1946/1947 e da Associação Comercial, Industrial e Agrícola, em 1936 e de 1941 a 1947, e depois Prefeito Municipal de 1948 a 1951, exercia grande liderança.  Vendo que necessitávamos do progresso da aviação, manteve contatos com várias empresas áreas, entre elas a  Arco-Íris e  a Transcontinental, no sentido de abrir linhas  que nos ligassem aos vários pontos do país.

 

REAL S/A  TRANSPORTES AÉREOS

Até que finalmente em 04.11.1948, Catanduva foi colocada no rol das grandes cidades  mundiais, ligadas entre si por transporte aéreo, de modo contínuo, rápido e confortável. A abertura da nova rota se deu quando a empresa REAL, importante companhia de aviação comercial, cujo proprietário era o comandante Lineu Gomes, inaugurou sua linha Catanduva - Ribeirão Preto - São Paulo e vice versa, com três viagens semanais e no início de 1949, passou a fazer esse trajeto diariamente. Nos anos de 1956 a 1958, possuía dois horários para São Paulo; um diário às 6,30 horas e outro às 15,05 horas, três vezes por semana, com escala em Ribeirão Preto. Também durante muitos anos, tivemos linha que ligava Catanduva a Curitiba, às 9,50 horas com escalas em Rio Preto, Araçatuba, Porecatu e Londrina, sendo que em certa ocasião por aqui faziam escala aviões procedentes de Goiânia. A Real chegou a ter sete linhas internacionais, existiu de 1946 a 1961, e aqui funcionou de 1948 a 1959, o escritório era na Rua Brasil, 671 e seu agente era o Sr. Francisco Ninno da Silva.

VASP – VIAÇÃO AÉREA SÃO PAULO

No dia 11.04.1949, o avião da VASP pousou no Aeroporto de Catanduva, inaugurando assim a sua linha de vôos diretos para São Paulo, Santos e Rio de Janeiro, feitos no mesmo avião.  O possante “Douglas”, em seu vôo inaugural, trouxe a esta cidade para presidir o ato de abertura, o governador Adhemar de Barros, vários assessores, imprensa,  além do Dr. Aderbal Ramos,  governador de Santa Catarina, que se encontrava em São Paulo e foi convidado para acompanhar a comitiva. Em aqui chegando todos se dirigiram a Associação Comercial, Industrial e Agrícola, onde foi feita a recepção tendo feito uso da palavra o Dr. Ítalo Záccaro, que saudou o Governador, focalizando a importância do acontecimento que ele viera presidir, depois falou o Dr. Aderbal Ramos, governador de Santa Catarina que manifestou seu entusiasmo pela capacidade de trabalho do povo Paulista e depois o governador Adhemar de Barros falou da importância que tinha essa região no contexto Estadual, daí a inauguração da nova linha da VASP, pioneira da aviação comercial no País. A Vasp funcionou em Catanduva cerca de três anos, seu escritório era na Rua Pernambuco, 153 e seu agente era o Sr. Moacyr Lichti.

Esclarecendo: O Aeroclube de Catanduva foi fundado em 20.01.1940 e já em 1942 brevetava a 1ª turma de pilotos, ele ficava do lado de lá da Rodovia Washington Luiz e o atual foi inaugurado em 28.07.1951. No final dos anos de 1940, era usado também o Aeroporto do Sr. Belmiro Lopes em Catiguá.

 

Pesquisa: Jornal “A Cidade” e Revista "O Século” – Arquivo Museu Padre Albino

VEJA TAMBÉM
1918 – Nomes de famílias residentes em Catanduva (5 listas)
CICLISMO EM CATANDUVA (1)
GINÁSIO CATANDUVA (7 fotos)
RETROSPECTIVA DO ANO DE 1953, TEM O FILME “CANTANDO NA CHUVA”
Praça da Independência (1)
RETROSPECTIVA DO ANO DE 1931 TEM O FILME “O ANJO AZUL”
JOSÉ LINS DO REGO E O PERÍODO DE OURO DE CATANDUVA
1960 - Depredação do prédio da Companhia Nacional de Energia Elétrica
MINGUTA, UM DOS FUNDADORES DE CATANDUVA (3 fotos)
SÍLVIO DE ABREU, AUTOR DE TELENOVAS - EXPERIÊNCIA ARTÍSTICA EM CATANDUVA
Copyright © Catanduva Cidade Feitiço